Passar para o Conteúdo Principal

Pesquisar

Hoje
Máx C
Mín C
siga-nos

Economia

Os quatro pilares da economia do concelho são os setores agroflorestal (considerando a agricultura, floresta e a pecuária), o turismo, o comércio/serviços/indústria e a pesca/recursos marinhos. 
Se alguns territórios têm, por natureza dos seus recursos, uma dependência forte de setores únicos, o concelho de Odemira, pelo contrário, vive entre uma diversidade de setores clássicos que também são emergentes tendo em conta um processo dinâmico de modernização e adaptação às novas realidades. Neste caso o concelho goza, apesar de dificuldades estruturantes como a rede de acessibilidades nacionais, de um equilíbrio saudável nos seus processos de desenvolvimento tendo em conta que as variações negativas em algum setor são compensadas por variações positivas nos outros setores.

  • imagem
  • imagem

Dinâmica empresarial por setor de atividade

 O concelho de Odemira apresenta uma estrutura empresarial com forte peso no setor terciário (59%), relativamente ao primário (31%) e ao secundário (10%).

O setor primário ocupa 1/3 das atividades económicas, apresentando como um Concelho turístico, mas com forte componente rural, nomeadamente na agricultura, silvicultura, pecuária e exploração florestal.

O setor secundário é um setor com uma expressão menos significativa no território, no entanto, parece ter encontrado, áreas de desenvolvimento onde crescer, designadamente na indústria agroalimentar.

O setor terciário representa 59% da dinâmica empresarial do concelho de Odemira, do qual se destaca o comércio a retalho e os serviços.

O comércio é uma das atividades ancestrais que, do ponto de vista de fluxos de investimento, tem apresentado uma mobilidade muito interessante ao longo dos anos. Territorialmente, esta atividade, acompanhou a deriva demográfica e económica do interior para o litoral do Concelho.

Setores
Total
Primário 1077
Secundário 363
Terciário 2086
Total
3526
Voltar ao topo