Passar para o Conteúdo Principal
Hoje
Máx C
Mín C
siga-nos

Comemorações do Centenário da Viagem Aérea Portugal – Macau

31 Maio 2024

O Município de Odemira, a Força Aérea Portuguesa e a Universidade do Porto associam-se para assinalar a comemoração do centenário da primeira viagem aérea Portugal – Macau (1924-2024), levada a cabo por Brito Paes, Sarmento de Beires e Manuel Gouveia, concretizando um feito pioneiro e emblemático na aviação internacional. O programa das comemorações prolonga-se entre abril e setembro de 2024 e é organizado em parceria com várias entidades nacionais e internacionais, culminando no concelho de Odemira, território de origem do Comandante Brito Paes, onde foi iniciada a viagem aérea em 1924.

A Sessão Oficial de Abertura das Comemorações do Centenário da Viagem Aérea Portugal – Macau decorreu no dia 7 de abril, no Museu do Ar, em Sintra, com a apresentação do Programa e a realização de uma conferência de enquadramento histórico (por Lourenço Henriques-Mateus, da Direção Histórico-Cultural da Força Aérea) e a apresentação do livro “De Portugal a Macau - A Viagem do Pátria”, de Sarmento de Beires, numa edição bilingue português/mandarim de Isabel Morujão e Rita Pina Brito (pela coordenadora científica das Comemorações, Professora Isabel Morujão, do Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória da Faculdade de Letras da Universidade do Porto – CITCEM/FLUP). No âmbito da iniciativa, foi ainda inaugurada a exposição itinerante “Portugal na aventura de voar. Centenário da Viagem aérea de Portugal a Macau (1924-2024)”. O momento terminou com a apresentação e degustação de uma edição especial de vinho branco Encosta das Fornalhas, comemorativa do centenário da viagem, produzido pela Adega dos Nascedios, no concelho de Odemira. Paralelamente, foi oferecido um Postal Completo de Correios, alusivo ao Centenário da Viagem Aérea Portugal – Macau, de iniciativa dos CTT Correios de Portugal.

O Município de Odemira marcou presença no segundo momento oficial de celebração da primeira viagem aérea de Portugal a Macau, promovido pela Universidade do Porto, no dia 15 de maio. As celebrações tiveram início na Casa Comum, com a inauguração da mostra “Portugal na aventura de voar”, que reúne, entre outros objetos, a hélice do “Pátria”, alguns troféus e vários painéis com texto e fotografias da época que contextualizam a história deste feito pioneiro da aviação nacional. O programa de atividades ficou ainda marcado por um concerto com a Banda da Força Aérea e por um painel de conferências, que contou com a participação de Hélder Guerreiro, Presidente da Câmara Municipal de Odemira, Isabel Morujão, Armando Malheiro da Silva e Paulo Lage, da Universidade do Porto, Carlos Mouta Raposo, Diretor do Museu do Ar, e Cátia Miriam Costa, do Instituto Universitário de Lisboa.

Um terceiro momento decorrerá no dia 20 junho em Macau, na Fundação Oriente, com a realização de uma Mesa de Conferências e a apresentação do livro “De Portugal a Macau - A Viagem do Pátria”, de Sarmento de Beires, na edição bilingue português/mandarim de Isabel Morujão e Rita Pina Brito. No dia 21 junho, o programa comemorações prevê um quarto momento em Hong Kong, no Club Lusitano de Hong Kong, também com várias atividades dedicadas à comemoração do centenário da primeira viagem área Portugal – Macau.

O encerramento das Comemorações está agendados para o dia 21 setembro, em Vila Nova de Milfontes, com um amplo programa dedicado à história e à homenagem deste feito pioneiro da aviação portuguesa, culminado num grande espetáculo musical com a Banda de Música da Força Aérea e a participação da fadista Joana Luz.

+ INFO: www.cm-odemira.pt/p/centenario_viagemaerea