Passar para o Conteúdo Principal
Hoje
Máx C
Mín C
siga-nos

Orçamento Participativo de Odemira inicia novo ciclo

16 Abril 2024

Odemira dá início a um novo ciclo do Orçamento Participativo (OP 2024), que pretende potenciar a participação, envolver e legitimar os cidadãos a criarem respostas específicas às necessidades e desafios que enfrentam nas suas comunidades através da apresentação e votação de propostas de investimentos e projetos, a concretizar pelo Município, no valor global de 300 mil euros.

O Município compromete-se a integrar as propostas vencedoras no OP no ano económico seguinte e a sua execução num período de 30 meses. Tendo em vista a coesão territorial, o Município de Odemira garante a implementação de pelo menos um projeto numa freguesia do concelho com menos de 1500 habitantes, entre as propostas mais votadas da lista de ordenação final. O montante máximo de cada proposta é de 75 mil euros.

A fase de apresentação de propostas decorre até ao dia 31 de maio, através da página online www.op.cm-odemira.pt e presencialmente, durante os Encontros de Participação nas Freguesias, nos quais se irá proceder à discussão e eventual alteração às propostas apresentadas ou ainda admissão de novas propostas. À semelhança da edição anterior, a votação irá decorrer durante o mês de setembro. As propostas, de natureza material ou imaterial, não podem exceder o montante máximo por proposta e têm de estar enquadradas nas áreas de competência do Município.

A participação e mobilização dos cidadãos é um dos pilares do Programa de Governação do Município de Odemira para 2021/2025, promovida com base numa participação informada através do Ecossistema Participativo. Neste contexto, o Orçamento Participativo a par do Fórum do Território estimula uma cultura de participação onde todos têm a possibilidade de estar envolvidos num processo de diálogo, reflexão e definição de projetos e políticas locais para o desenvolvimento do território e para a concretização dos cinco pilares: Pessoas, Planeta, Prosperidade, Paz e Parcerias da Agenda 2030 e dos seus 17 Objetivos de Desenvolvimentos Sustentável.

Implementado em 2011, o OP de Odemira é o mais antigo e ininterrupto processo participativo do país, iniciando agora a sua 14ª edição consecutiva, assente em fatores positivos e construtivos, baseados em princípios de proximidade, transparência e oportunidade.


OP 2024 - Encontros de Participação, 21h00

  • 3 maio, Junta de Freguesia de Vila Nova de Milfontes
  • 4 maio, Quintal da Música Odemira, Freguesia de Santa Maria e São Salvador
  • 7 maio, Centro Sociocultural da Longueira, Freguesia de Longueira-Almograve
  • 8 maio, Junta Freguesia da Boavista dos Pinheiros
  • 15 maio, Junta de Freguesia de Luzianes-Gare
  • 17 maio, Salão de Festas em Bicos, Freguesia de Vale Santiago
  • 21 maio, Sociedade Recreativa Colense, Freguesia de Colos
  • 22 maio, Centro de Valorização da Viola Campaniça, Freguesia de São Martinho das Amoreiras
  • 23 maio, Junta de Freguesia de São Teotónio
  • 24 maio, Casa do Povo de Santa Clara-a-Velha
  • 27 maio, Casa do Povo / Centro de Dia de São Luís
  • 28 maio, Junta de Freguesia de Relíquias
  • 29 maio, Centro Paroquial de Sabóia