Passar para o Conteúdo Principal
Hoje
Máx C
Mín C
siga-nos

Incêndio de São Miguel - Agradecimento público e resposta às populações

09 Agosto 2023

Finalmente e ao fim de longos quatro dias, foi dominado o grande incêndio que deflagrou em São Miguel, na Freguesia de São Teotónio, após uma imensa área ardida de 8000 ha. Apesar de todas as atenções continuarem no esforço de consolidação, com muitos meios de terreno, as preocupações apontam para o urgente apoio às populações, à atividade económica e para o planeamento de ações de reconstrução de perspetivas de futuro.

Depois das chamas e da tragédia que assola o nosso concelho, há que fazer frente aos enormes prejuízos na floresta, agricultura e turismo e no impacto social gerado. A população da Freguesia de São Teotónio, os empresários e produtores afetados precisam de futuro, esperança e resposta.

Ao longo destes dias, o Presidente da Câmara Municipal, Hélder Guerreiro, estabeleceu diversos contactos com o Governo, no sentido de abrir portas para linhas de apoio para o território, tanto no setor agrícola e turístico como social. Foram firmados contactos com a Ministra da Coesão Territorial, o Ministro da Administração Interna, a Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, a Ministra da Agricultura e da Alimentação, o Secretário de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, bem como com o Presidente do Turismo de Portugal e o Presidente do ICNF.

De enaltecer a articulação de esforços entre todas as forças de socorro e segurança e entidades públicas e de solidariedade social envolvidas, tanto na deslocação e proteção de pessoas e bens, como o combate direto ao incêndio.

Destaque para a enorme hombridade e dignidade de toda a população que foi deslocada das suas habitações pelas autoridades, confiando os seus bens a quem estava no terreno. O regresso a casa em segurança foi uma prioridade de atuação do Serviço Municipal de Proteção Civil e da GNR junto da população.

Enorme agradecimento ao movimento solidário gerado pela população, associações, juntas de freguesia e empresas do concelho de Odemira, através da entrega de refeições, água e outras bebidas para os operacionais presentes no terreno e cidadãos deslocados. A paisagem transformou-se, mas houve um ganho evidente no sentimento de pertença e de comunidade.

É o momento do levantamento de perdas e necessidades da população afetada pelo incêndio. A linha municipal 964 697 306 está disponível para o apoio à população, empresas e produtores para registo de informação sobre perdas de bens, produção, rações ou outros, bem como para donativos.

O Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Odemira está ativado desde as 14.30 horas do dia 6 de agosto, numa plena articulação com a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) no quadro do sistema integrado de operações de proteção e socorro.