Passar para o Conteúdo Principal
Hoje
Máx C
Mín C
siga-nos

Município de Odemira atribui 34 bolsas de estudo no valor total de 60 mil euros

20140203170105475877 1 1024 2500
03 Fevereiro 2014
O Município de Odemira vai atribuir um total de 34 bolsas de estudo para alunos do concelho que frequentam o ensino superior, no ano letivo 2013/2014, o que representa um valor perto de 60 mil euros. 
A Câmara Municipal de Odemira aprovou, por unanimidade, atribuir 30 bolsas de estudo por carência económica e 10 por mérito, contando com as renovações e novas bolsas, no ano letivo de 2013/2014. Na reunião de câmara realizada no dia 16 de janeiro de 2014, foi aprovada a lista definitiva dos candidatos admitidos para a atribuição de Bolsas de Estudo, tendo sido admitidos 34 alunos.

Através da atribuição de bolsas de estudo, o Município de Odemira pretende apoiar a continuação dos estudos a jovens com dificuldades económicas e contribuir para a formação de quadros técnicos superiores, naturais ou residentes no concelho, contribuindo para um maior e mais equilibrado desenvolvimento social, económico e cultural.

Segundo o Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo, os alunos beneficiados receberão o valor equivalente a 40% do salário mínimo nacional, durante o período de nove meses, pago trimestralmente.

A atribuição das bolsas tem duas modalidades: uma por carência económica, para alunos cujo agregado apresente um rendimento mensal ilíquido per capita igual ou inferior a 300 euros; a outra modalidade é a atribuição de bolsas de estudo por aproveitamento excecional, onde os alunos deverão apresentar uma média escolar igual ou superior a 17 valores para o 1º ano e igual ou superior a 15 valores para os anos seguintes.